segunda-feira, 18 de abril de 2016

Policia identifica assaltantes do BASA mortos em confronto no município de Rurópolis, PA

As Polícias Civil e Militar trocaram tiros, na manhã desta segunda-feira, 18, com quatro homens que integravam o grupo que assaltou uma agência bancária em Rurópolis, sudoeste do Pará, na semana passada. No confronto, os acusados morreram.
O fato se registrou na zona rural do município, a 20 quilômetros da sede da cidade, no meio da mata, onde os homens armados estavam escondidos. Conforme o delegado Vicente Gomes, titular da Superintendência da Polícia Civil na Região do Tapajós, houve duas situações de confrontos à bala entre os policiais e os assaltantes durante a manhã e outra troca de tiros na madrugada de domingo.
O policial civil explica que as buscas aos assaltantes tiveram início desde o dia do assalto ao banco, na segunda-feira passada, às 10 horas da manhã. Após o crime, durante a fuga, o grupo criminoso tomou rumo em direção à estrada conhecida como Cachoeirinha, já que a saída de Rurópolis havia sido bloqueada por policiais militares e civis. Reforços do Grupamento Tático Operacional (GTO) de Itaituba e Santarém; do Comando de Operações Especiais (COE); policiais militares do Comando de Policiamento Regional de Itaituba e policiais civis da Delegacia de Repressão a Roubos a Bancos (DRRB), foram deslocados ao município para fazer buscas aos assaltantes. Eles contaram com apoio de um helicóptero do Grupamento Aéreo de Segurança Pública (Graesp) nas buscas na região.
(RENAN BIOCHIOR)
A partir de então, os policiais civis e militares passaram a fazer buscas nessa região. Conforme o delegado, pelo menos, oito homens participaram do assalto. Ao todo, as buscas passaram a contar com cerca de 90 agentes de segurança atuam na ação, dentre eles da Polícia Militar, com policiais que atuam no Programa de Repressão ao Roubo a Bancos (Repreban). Integrantes da Polícia Rodoviária Federal também prestaram apoio ao trabalho dos agentes da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup). No último dia 11, por volta das 23h, os militares do COE se confrontaram com os assaltantes na mata. Na ocasião, os bandidos abandonaram uma espingarda, modelo escopeta e fugiram. Ninguém ficou ferido.
(CLODOALDO SILVA ROCHA)
No decorrer da operação, homens do Batalhão da Polícia Rodoviária Estadual e demais Grupamentos da PM montaram barreiras na região. No mesmo dia, os assaltantes abandonaram dois veículos usados na ação contra a agência. Um deles foi queimado, um Gol, na cabeceira de uma ponte, na estrada. Com o andamento das buscas, os policiais localizaram a área na mata, onde os assaltantes estavam escondidos. Na madrugada de domingo, por volta de 2 horas, houve a primeira troca de tiros, a 8 quilômetros do local onde os assaltantes abandonaram o carro queimado.
Os criminosos conseguiram fugir, mas os policiais continuaram as buscas. Até que, por volta de 11h desta segunda-feira, os policiais localizaram os assaltantes na mata e houve nova troca de tiros. Desta vez, os dois suspeitos foram atingidos pelos disparos e morreram. As buscas prosseguiram e cerca de meia-hora os policiais tiveram novo confronto com os assaltantes, que foram baleados e morreram. Conforme o delegado, uma equipe do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves de Itaituba fará a remoção dos corpos, que ficarão em Rurópolis.

Fonte: http://www.policiacivil.pa.gov.br/
Fotos: Via whatsapp

2 comentários:

  1. A polícia está de parabéns. Lamento muito os comentários de gente desenformada nas redes sociais falando que a polícia havia repartido o dinheiro. A população precisa é reconhecer o esforço deles nessa busca e o risco sofrido por eles... Parabéns Agentes da segurança pública do Estado do Pará por mais uma operação bem sucedida em prol da nossa segurança.

    ResponderExcluir
  2. FOI TARDE..ISSO É O FIM DE QUEM NÃO QUER VIVER HONESTAMENTE E SIM DE BANDIDAGEM

    ResponderExcluir

Se identifique e deixe seu comentário com responsabilidade!!!