domingo, 4 de dezembro de 2016

Itaituba: Justiça de decreta prisão de acusado de atirar e matar Eliane Sousa.

Acusado de atirar e matar a funcionaria da TV Tapajoara filiada ao SBT; Eliane Sousa; Weliton Pereira de Araújo, de 22 anos, com várias passagens pela policia, foi acuado pela policia, e não teve alternativa a não ser apelar para um advogado e se apresentar na delegacia para prestar esclarecimentos sobre a acusação de latrocínio. 

Weliton Pereira foi apresentando na manhã de sexta feira, 02, pelo seu advogado; Dr. Alessandro, em depoimento a policia civil; Weliton negou qualquer participação no latrocínio, após ser ouvido foi liberado, porque não foi preso em flagrante, se apresentou espontaneamente, e não tinha nenhum mandado de prisão contra ele. Após o depoimento de Weliton, o delegado Rafael Oliveira pediu sua prisão temporária, que foi aceita justiça, e a mesma foi decretada, novamente Weliton foi apresentado pelo seu advogado.  Weliton, esta preso por ser acusado de ser o autor do tiro que matou; Eliane Sousa, crime acorrido no dia, 29, agora a policia terá 30 dias para concluir o inquérito policial e denunciar ou não Weliton  à justiça oficialmente por latrocínio. Nesse período a policia vai procurar provas contra ele, mas caso 30 dias não seja suficiente para a conclusão do inquérito, o delegado pode pedir mais 30 dias. 

Funcionária da TV Tapajoara filiada ao SBT foi assassinada em Itaituba, PA.


Itaituba: Elementos suspeitos de participação na morte de Eliane Sousa são presos pela policia.

Fonte: Junior Ribeiro 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se identifique e deixe seu comentário com responsabilidade!!!