sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

VALMIR FALA SOBRE: MERENDA ESCOLAR, FPM, EDUCAÇÃO NA ZONA RURAL E SAÚDE DO MUNICÍPIO

LEVANTAMENTO ECONOMIZA 21% PARA A COMPRA DA MERENDA ESCOLAR.

Em entrevista concedida à imprensa, na manhã desta Sexta-feira 20, o prefeito evidenciou vários assuntos; uma das questões foi o levantamento feito pela diretoria de compras – DICOM, quanto à questão da licitação para compra da merenda escolar. Que após uma pesquisa feita pelo órgão, que constatou preços mais baratos do que quanto era comprado antes pelo governo passado. Visando economizar, logo em seguida, foi exposta outra tomada de preços, para alcançar mais comerciantes, o resultado foi excelente, um dos itens, que foi a carne de primeira qualidade, variou de preços, em alguns lugares foi colocada a R$ 34,00 (Trinta e quatro reais ), já em outros, o preço ficou reduzido em R$16,00 (dezesseis reais ) .

FUNDO DE PARTICIPAÇÃO DOS MUNICÍPIOS (FPM) CONFISCADO: 
Outro assunto salientado foi o bloquei do Fundo de Participação dos Municípios – FPM, que apesar de não ser uma surpresa, já era esperado, devido a irresponsabilidade, pela grande sonegação dos últimos quatro anos. A arrecadação do município depende da arrecadação do governo federal, o problema é que nos últimos quatro anos, de 100% dos encargos sociais do funcionalismo, somente foram recolhidos 19%, ressaltou o gestor.

EDUCAÇÃO NA ZONA RURAL: 
Quanto à educação, são vários os problemas a serem resolvidos. No último levantamento, foi constatado, que alguns professores não cumprem os 22 dias de aulas letivos, o que deixam a desejar, prejudicando alunos. Assim como também acontece nos transportes escolares, não cumprem a carga horária dos contratos existentes. Para sanar tais problemas, a prefeitura vai disponibilizar um telefone específico para pais, professores , alunos e comunidade em geral para denunciar qualquer irregularidade que venha a prejudicar o alunado.

SAÚDE:
Questionado se mesmo com esta crise, se seria possível inaugurar a Unidade de Pronto Atendimento - UPA, ele ressaltou que irá em breve abrir licitação para a compra dos equipamentos, para no prazo de 90 a 120 dias , coloque em funcionamento a Unidade. Ainda sobre a saúde disse que qualquer paciente que venha de outra cidade, precisará apresentar o TFD. Fechando a entrevista com muita alegria, comunicou que foram realizadas mais de 149 cirurgias em apenas 19 dias de governo.

Fonte: DireCom-Diretoria de Comunicação-PMI


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se identifique e deixe seu comentário com responsabilidade!!!