quarta-feira, 19 de abril de 2017

Acidente durante 'racha' entre pai e filho deixa um morto e três feridos

Um homem morreu e três pessoas ficaram feridas após uma batida entre dois carros na noite desta terça-feira (18) no bairro Elcione Barbalho em Santarém, oeste do Pará.
Segundo a Polícia Civil, testemunhas relataram que pai e filho, condutores dos veículos envolvidos no acidente, estavam praticando "racha". Uma das vítima identificada como José Sousa Neto, de 32 anos, voltava para casa de bicicleta após uma pescaria quando foi atingido por um dos veículos. Com o impacto da batida, partes do corpo do homem foram arremessadas para longe. Parte do telhado de comércio também atingido pelo veículo, desabou em cima de José, que morreu na hora.

De acordo com informações de testemunhas, pai e filho estavam fazendo “racha” na travessa E do bairro Elcione Barbalho, na grande área do Maracanã. Um dos condutores perdeu o controle do carro, provocando o gravíssimo acidente. Três pessoas que estavam nos carros envolvidos ficaram feridas. Um dos motoristas quase foi linchado por populares, foi preso e logo na chegada à 16ª Seccional de Polícia Civil, negou que ele e o pai estariam fazendo “racha”. Porém, ao prestar depoimento ao delegado Hebert Farias, confessou que estava mesmo fazendo o racha com o pai.

Segundo a polícia civil, pai e filho estavam ingerindo bebida alcoólica em um bar localizado na rodovia Fernando Guilhon, em seguida saíram em alta velocidade pelo bairro Elcione Barbalho. O teste do etilômetro feito comprova que o rapaz de 19 anos estava alcoolizado. O pai foi retirado das ferragens do carro e está internado no Pronto Socorro Municipal (PSM) sob custódia da polícia.

Durante ao entrevista ao Bom Dia Santarém, o delegado disse que pai e filho responderiam por homicídio culposo. Posteriormente, informou ao G1 que a tipificação do crime será por homicídio doloso, considerando a confissão do filho de que realmente estava fazendo um "racha" com o pai. Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) informou que o motorista do carro, Raimundo Sarmento, teve escoriações pelo corpo, foi atendido e, em seguida, encaminhado à delegacia de Polícia Civil. De acordo com a nota, Ângela Marli Barbosa, de 30 anos, e Jailson Brito da Silva, 20 anos, estão na sala de reanimação.

Fonte: G1- Santarém e Reginaldo Balieiro, da TV Tapajós.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se identifique e deixe seu comentário com responsabilidade!!!