domingo, 4 de junho de 2017

Dedé discorda de José Aldo e acredita que árbitro agiu certo em parar a luta

Treinador do ex-campeão peso-pena afirma que Big John McCarthy tomou a decisão correta ao interromper combate, após Max Holloway castigar brasileiro no 3º round.

José Aldo x Max Holloway UFC Rio 8 (Foto: André Durão)
Após conseguir um knockdown em José Aldo no terceiro round, Max Holloway abriu caminho para vencer no brasileiro por nocaute técnico na luta principal do UFC Rio 8 e sagrar-se campeão peso-pena do Ultimate. No entanto, assim que o árbitro central, John McCarthy, interrompeu o combate aos 4m13s para preservar a integridade física do, agora, ex-campeão, José Aldo mostrou seu descontentamento com a decisão e reclamou bastante da decisão do árbitro. Porém, para Dedé Pederneiras, treinador do manauara, a ação de "Big John" foi correta. 
José Aldo x Max Holloway UFC Rio 8 (Foto: André Durão)
- Ele (José Aldo) achou que o Big John parou antes, mas eu não tenho a mesma opinião. Tenho certeza que, quando ele vir o vídeo, vai mudar de opinião. Eu não via condições dele se recuperar no quarto round, depois de tanto soco que levou na cabeça. Seria difícil o Holloway não caçar ele depois daquilo - afirmou Dedé Pederneiras, após o encerramento do UFC Rio 8, em entrevista ao Combate.com. 
De acordo com o chefe da equipe Nova União, a derrota que custou o cinturão dos pesos-penas veio devido a algumas falhas técnicas de José Aldo durante a luta. Dedé Pederneiras ainda comentou sobre a falta de uma das marcas do ex-campeão na carreira: os potentes chutes baixos. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se identifique e deixe seu comentário com responsabilidade!!!