domingo, 30 de julho de 2017

Polícia investiga morte de detento dentro do presídio de Cucurunã

Edson Bruno da Fonseca foi encontrado enforcado dentro de uma cela.
A Polícia Civil está investigando a morte do detento Edson Bruno Mota da Fonseca, natural de Monte Alegre, conhecido como “Infernal”, que teria praticado o suicídio dentro de uma cela do pavilhão 02, da Penitenciária de Cucurunã, em Santarém, na tarde de sábado (29). Segundo informações da Susipe, agentes penitenciários encontraram Bruno enforcado dentro da cela que dividia com mais três presos. Os companheiros de cela foram levados para a Seccional de Polícia Civil, para prestar depoimento. Um inquérito policial foi aberto para apurar esse crime. Na manhã deste domingo (30), uma versão nova surgiu. Bruno teria levado uma pressão psicológica na cela. O agressor teria seguido orientação de presídios de São Bernardo (SP). “Você escolhe se pratica o suicídio ou quer amanhecer morto com estocadas”, alguém teria dito a Bruno. Porém, só depois que a Polícia concluir o inquérito é que se saberá as causas de mais uma morte dentro do presídio de Cucurunã.

Fonte: RG 15\O Impacto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se identifique e deixe seu comentário com responsabilidade!!!