quinta-feira, 30 de novembro de 2017

Três mortes em dois dias em Itaituba: Dois homicídios e uma vitima de acidente de trânsito.

Três mortes fora, registradas em Itaituba no sudoeste do estado nesta quarta feira, 29, e quinta feira, 30.
A morte aconteceu por volta das 20 horas desta quarta feira, 29, na Rodovia Transamazônica na altura do km 04. A vitima foi os soldo exercito brasileiro (53BIS) Ezequias da Costa Lima, de 18 anos de idade. O mesmo trafegava pela rodovia do km 05 sentindo cento da cidade, quando no km 04 foi surpreendida a manobra brusca de uma camionete, devido à velocidade, não teve frear e desviar, a batida foi inevitável, caiu e quebrou o pesco falecendo no local.  
Pouco tempo depois o ex- presidiário Harlison Andrade Ferreira, 20 anos de idade, que com várias passagens pela policia, desde quando menor recém-saído do presidio de Itaituba, foi baleado na 15ª Rua do Bairro São Tomé, após ser baleado foi socorrido pelos militares do corpo de bombeiros, que o conduziram para o Hospital Municipal, mas já chegou sem vida. 
A terceira morte aconteceu na por volta das 13 horas desta quinta feira, 30, na 4ª Rua do Bairro da Liberdade. A vitima foi Rudney Sousa Santos, de 39 anos, conhecido "Ney do Água Branca". “Ney” morto com vários quando chegava em casa, segundo informações os autores foram dois homens que estavam em uma moto. “Ney” ainda chegou a receber socorro, mas não resistiu e morreu ainda no local.
“Ney” já tinha uma tentativa de homicídio no dia 18 de Outro de 2017, na 6ª Rua do Cidade Alta com a Travessa Lauro Sodré. A tentativa de homicídio aconteceu na noite desta quarta feira, 18 de Outubro, por volta das 19hs30min, na 6ª Rua com a Travessa Lauro Sodré, Bairro Bela Vista, em Itaituba. Segundo informações a vitima conhecida por “Ney do Água Branca”, estava sentado em uma cadeira em frente há um estabelecimento de som automotivo, quando dois elementos chegaram em uma moto titan fan preta, e o carona de posse de uma arma tido pistola efetuou vários disparos contra a vitima. “Ney” foi socorrido pelos militares do corpo de bombeiros, que o levaram consciente para o Hospital Municipal, quando estava saindo da sala de Raio-X “Ney” gravou um vídeo dizendo que tinha sido atingido por 09 disparos, que dessa vez não iria morrer, e não morreu mesmo, se recuperou saiu do hospital e já estava trabalhando, mas os assassinos voltaram para terminar o serviço, dessa vez “Ney” não teve a mesma sorte. 

Fonte: Junior Ribeiro 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se identifique e deixe seu comentário com responsabilidade!!!