quinta-feira, 21 de março de 2019

Quadrilha pousa com 400 kg de cocaína em avião e é presa ao tentar transportar droga em barco em MT

Quatro pessoas foram presas suspeitas de traficarem 432 kg de cocaína na região de Comodoro, a 677 km de Cuiabá. A prisão ocorreu nessa terça-feira (19) e foi divulgada pela Secretaria de Segurança Pública (Sesp) nesta quarta-feira (20).
Segundo informações da Sesp, a quadrilha pousou 400 kg de droga e foi presa ao tentar distribuir o entorpecente. A operação, entre a Polícia Federal, o Grupo Especial de Fronteira (Gefron) e Polícia Militar resultou na apreensão de 10 fardos de droga e de duas caminhonetes. Quatro pessoas foram presas e armas também foram apreendidas em um local de difícil acesso na zona rural do município.

Dois dos suspeitos são de Rondônia. A investigação da Polícia Federal era de que um avião pousaria com o carregamento no município de Comodoro, às margens do Rio Guaporé. A aeronave já havia decolado depois de deixar a droga no local com os suspeitos.

Entre os presos está Valter Antônio Sisconeto. Ele é investigado pela PF como um traficante da região, que usava rios e estradas vicinais para o transporte das drogas. O local onde foi feita a prisão fica a quatro horas da sede de Comodoro.

Além dele, também foram presos Gilmar Duarte da Silva, Alexandre Aparecido da Silva e Osmar. Com exceção de Alexandre, todos os outros três presos já haviam sido presos pela Polícia Federal em 2013 com um carregamento de 200 kg de droga.

Além da droga, foram encontradas duas carabinas, um revólver, uma pistola calibre ponto 45 e várias munições. Em um sítio – que Sisconeto utilizava como base – foram encontradas mais armas e munições. Os quatro foram levados para a sede da Polícia Federal em Cáceres, a 220 km de Cuiabá, e serão encaminhados para a cadeia pública de Cáceres.

Do G1 MT

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se identifique e deixe seu comentário com responsabilidade!!!